Confraria Floydstock

Música é assunto para a vida toda

PUBLICIDADE

Morreu Luiz Schiavon, maestro e tecladista do RPM

Músico tinha 64 anos e segundo a família sofria há 4 anos de uma doença auto-imune

Morreu aos 64 anos de idade o tecladista Luiz Schiavon, músico que ficou nacionalmente conhecido por ser co-fundador e um dos principais compositores do grupo RPM, de grande impacto no país na década de 80 e ainda na ativa. A informação foi confirmada pela família por meio de uma nota, divulgada pelo jornalista Sérgio Martins nas redes sociais. Leia a nota na íntegra mais abaixo.

Recomendado: o último lançamento do RPM com Luiz Schiavon

É com pesar que a família comunica o falecimento de Luiz Schiavon. Ele vinha lutando bravamente contra uma doença autoimune há 4 anos mas, infelizmente, ele teve complicações na última cirurgia de tratamento e não resistiu.

Luiz era, na sua figura pública, maestro, compositor, fundador e tecladista do RPM, mas acima de tudo isso, um bom filho, sobrinho, marido, pai e amigo. Portanto, a família decidiu que a cerimônia de despedida será reservada para familiares e amigos próximos e pede, encarecidamente, que os fãs e a imprensa compreendam e respeitem essa decisão.

Esperamos que lembrem-se dele com a maestria e a energia da sua música, um legado que ele nos deixou de presente e que continuará vivo em nossos corações. Despeçam-se, ouvindo seus acordes, fazendo homenagens nas redes sociais, revistas e jornais, ou simplesmente lembrando dele com carinho, o mesmo carinho que ele sempre teve com todos aqueles que conviveram com ele.

Além de brilhar no RPM, Schiavon também compôs diversas trilhas sonoras para novelas da Rede Globo de Televisão, entre os anos de 1996 e 2002. Também na mesma emissora, ele comandou entre 2004 e 2010 a banda do Programa dominical Domingão do Faustão.

PUBLICIDADE

Assuntos
Compartilhe

Comentários...

Deixe uma resposta

Veja também...

PUBLICIDADE